in

Token social; concorrente do TikTok planeja lançamento para o mercado –

Na primeira semana de outubro, um aplicativo indiano de compartilhamento de vídeos divulgou que arrecadou uma boa grana em financiamentos de risco para divulgar e promover o seu próprio Token social. Continue acompanhando nosso post para saber mais!

Fonte: Google

Um app de compartilhamento de vídeos da Índia, nomeada de Chingari, divulgou, no início do mês de outubro, que conseguiu arrecadar US$19 milhões em aporte de risco e, ainda, deseja lançar seu próprio token social – na verdade, já está nos planos da plataforma. O token será denominado GARI, no blockchain SOL (Solana).

Inúmeras companhias participaram da rodada de aporte da Chingari, como, por exemplo: CSP DAO, Republic Crypto, Afton Capital, Galaxy Digital, Long Term Ventures, Alameda Research, Cultur3 Capital, Solana Capital, AU21, Kraken, Borderless Capital, Backpine, LD Capital, NGC, Coinfund e, além destas, outras 15 empresas também tiveram participação. Continue lendo nosso artigo para saber mais sobre esse assunto!

O que é token social?

Os tokens sociais, ou aqueles apoiados pela reputação de uma marca, pessoa ou comunidade, estão se fortalecendo muito ultimamente e algumas pessoas acreditam que este será o próximo sucesso no universo das criptomoedas. Contudo, o que são eles? E, além disso, por que músicos, artistas e os influenciadores de mídias sociais estão acelerados para ‘tokenizar’ suas dedicações a fim de comercializá-las aos seus seguidores?

 Esses tokens são elaborados acerca de um princípio de “economia de sociedade” com o pressuposto de que amanhã uma comunidade seja mais valiosa do que hoje. Os influenciadores e criadores de conteúdo podem fazer dinheiro por meio do seu trabalho como uma NFT – token não fungível – ou token social, e os apoiadores e seguidores podem oferecer alguma coisa em troca a fim de mostrar sua lealdade.

A economia do token social pode variar conforme as metas e intuitos que o criador tem; no entanto, todos eles possuem alguma coisa em comum: todos aqueles que participam contam com exposição financeira e também tem participação no crescimento.

Tudo começou com o banimento do TikTok na Índia

O Ministério da Eletrônica e Tecnologia da Informação indiano articulou e comunicou novos avisos para que a proibição ao app de vídeos curtos TikTok – e mais 58 aplicativos chineses – se tornasse permanente. Ao proibir esses apps pela primeira vez, o governo da Índia permitiu que os 59 aplicativos se explicassem sobre o cumprimento, ou não, das diretrizes de segurança e privacidade.

As empresas se explicaram, mas o governo são se satisfez com as respostas dadas. Sendo assim, a proibição para os quase 60 apps se tornou permanente. Afinal, no comunicado de junho, o governo da Índia deixou bem claro que acreditava que os apps fossem prejudiciais à integridade e soberania da Índia, assim como a defesa, segurança do estado e ordem pública do país.

Como se tudo isso não bastasse, em setembro do ano passado a Índia chegou a proibir diversos apps móveis, mais de 115; inclusive, entre os proibidos estava o famoso videogame PUBG da Tencent. Por fim, o ministério indiano não pôde ser contatado para falar um pouco sobre o assunto e a proibição. Além disso, a plataforma ‘ticoteco’ não deu respostas a uma solicitação de comentário.

Chingari, a alternativa ao TikTok que chegou – e brilhou – na Índia

Chingari
Fonte: Google

Chingari. Esse é o nome do novo app indiano de compartilhamento de pequenos vídeos que chegou no mercado digital para competir com o famoso TikTok. No último ano, o TikTok se tornou uma das plataformas mais populares entre as crianças, jovens, adultos e até idosos. Por esse motivo, diversas empresas estão à procura de algumas alternativas que possam competir com essa plataforma. Sendo assim, da Índia, temos o Chingari uma nova opção ao ‘ticoteco’ como brincam os usuários.

O novo rival do TikTok também permite que seus usuários criem vídeos curtos para usar como status do WhatsApp, adesivos, clipes de áudio, fotos e muito mais conteúdo. Do mesmo modo, a nova plataforma de vídeos aceita vários idiomas, como hindi ou inglês, dentre outros. Se você ficou curioso e quer experimentar essa alternativa, é muito simples. Basta acessar sua loja de aplicativos e fazer o download do app. Simples, não é?

A plataforma indiana arrecadou US$19 mi para lançar seu próprio token social

A Chingari está em um processo onde se prepara para lançar sua própria rede de blockchain e token social – mas isso você já viu por aqui, certo? A plataforma indiana completou uma baita rodada de financiamento, onde arrecadou quase US$20 milhões, para que fosse possível o lançamento de sua mainnet e a condução de uma venda para seu token social, $GARI, baseado em SOL no mês de novembro. Tais informações foram divulgadas pela própria plataforma no início do mês.

Sumit Ghosh, CEO e cofundador da plataforma, afirmou que a venda dos tokens sociais está com previsão para o início do mês de novembro, lá pelo dia 2; enquanto isso, o lançamento da mainnet e a integração de apps devem estar funcionando perfeitamente até o final do próximo mês. Além disso, como também já falamos no artigo, o novo financiamento conta com mais de 30 investidores individuais e fundos de risco.

Ainda, conforme Ghosh, a plataforma blockchain de Chingari irá possibilitar que aqueles que o utilizarem obtenham tokens para que possam criar ou assistir determinado conteúdo. Ou seja, o que a plataforma Axie Infinity fez pelos jogos, a Chingari deseja fazer pelas redes sociais. Além do mais, o objetivo é que muitas pessoas possam ganhar uma quantia de dinheiro, mesmo que pequena, e se promover participando de um app.

Token social; o futuro da criação de conteúdo no mundo virtual

Qual a melhor maneira de pagarmos por um conteúdo? Algumas companhias da mídia parecem ter solucionado essa questão. Por exemplo, as propagadas e assinaturas digitais do jornal New York Times produziram cerca de 450 milhões de dólares nos primeiros meses do último ano; assim, pela primeira vez na história do jornal, esse valor ultrapassou o lucro gerado por conteúdo impresso.

Diante disso, o token social é uma excelente opção para essas operações. Acredita-se que ainda ouviremos falar muito dessa ‘ferramenta’ de cripto.

Gostou do nosso artigo? Aproveita e compartilha o artigo em suas redes sociais, com os seus amigos e ainda com todos os seus familiares. Mas não esqueça de retornar ao blog e aproveitar outros conteúdos. Nosso Blog existe para te informar e ajudar você a mudar sua vida financeira.

Written by Carlino Souza

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Rastrear iPhone desligado – Saiba como fazer

Pix – Saiba como mudar o limite diário